Gravidez

Gravidez, Cuidado Pré Natal e Saúde Bucal (Parte 2)

Em primeiro lugar, não deixe de informar o dentista que você está grávida. É melhor marcar uma consulta entre o quarto e sexto mês de gravidez, porque os três primeiros meses são os mais importantes no desenvolvimento da criança. No último trimestre da gravidez, o estresse associado com a consulta ao dentista pode aumentar a…

Gravidez, Cuidado Pré Natal E Saúde Bucal (Parte 1)

Há cada vez mais evidências sugerindo a existência de uma relação entre as enfermidades gengivais e os nascimentos prematuros, e de bebês que nascem com peso abaixo do normal. As gestantes portadoras de enfermidades gengivais têm maior propensão a dar à luz a bebês prematuros e abaixo do peso normal. Outros estudos devem ainda ser…

A Saúde Bucal durante a Gravidez (Parte 3)

Sejam quais forem os sintomas que você tenha durante a gravidez, você sempre deve cuidar de seus dentes e ter bons hábitos, que incluem passar o fio dental regularmente e escovar os dentes. Esses hábitos garantem dentes e gengiva saudáveis ao longo da sua gravidez. Confira algumas dicas para ajudar durante o estágio pré-natal: Vá…

A Saúde Bucal durante a Gravidez (Parte 2)

A maior parte das mulheres percebe mudanças em sua gengiva durante a gravidez; o principal sintoma é uma gengiva mais avermelhada e sangrando durante a escovação. Todas essas mudanças são chamadas de “gengivite da gravidez”, e elas podem começar logo no segundo mês. A condição tende a atingir um pico em torno do oitavo mês…

A Saúde Bucal durante a Gravidez (Parte 1)

Mulheres grávidas com gengiva inflamada apresentam uma tendência maior a dar à luz a um bebê prematuro e muito pequeno. Doenças gengivais desencadeiam níveis elevados de repercussões sistêmicas que podem induzir o parto prematuro. Pesquisas também sugerem que a intensificação da inflamação da gengiva durante a gravidez aumenta o risco de um parto prematuro. Para…

Todas as grávidas apresentam problemas periodontais?

Muitas grávidas se queixam de inflamações e aparecimento de doenças periodontais. O quadro acaba deixando uma preocupação, pois pode ocasionar em um parto prematuro, abaixo de 37 semanas. Esse cenário é influenciado pelo organismo da gestante, que fica mais vulnerável nesse período, especialmente devido às alterações hormonais que traz uma maior vascularização gengival. Dessa forma,…